Polimento, enceramento ou cristalização?

É pessoal, todo mundo quer um carro brilhando e novinho. Muitas vezes quando compramos um carro no leilão percebemos que alguns deles além de virem sujos, vêm com a pintura um pouco danificada, seja por ter ficado no pátio ou menos por mal cuidado do antigo dono. Com isso resolvemos escrever este artigo para te dizer qual do procedimento é mais indicado para seu veículo arrematado.

Enceramento

O enceramento é o básico para pintura. A indicação é para todos os veículos independente do ano e modelo, mas principalmente para veículos novos, seminovos e repintados. A cera aplicada tem um potencial pequeno para eliminar riscos e manchas, assim sendo o jeito mais simples para proteger seu carro e deixa-lo mais bonito.

Geralmente o valor cobrado fica em torno de R$ 100 A R$150. O resultado do enceramento vai depender do profissionalismo do funileiro. Procure por um que faça um bom trabalho e negocie o orçamento.

Polimento

Essa modalidade é mais indicada para pinturas manchadas como, por exemplo, queimadas de sol ou mesmo artes que os passarinhos fazem em nossos carros. Geralmente aplica se também a peças repintadas e que perderam o brilho.

Não faça o próprio polimento em casa, pois deve ter muito cuidado para que caso feito errado possa danificar o verniz da pintura e assim pode deixar manchado o carro. Os profissionais chegam a utilizar diversas maquinas especializadas para polir. Para se tiver um bom polimento o valor para carros médios fica em torno de R$300, isso depende do estado da pintura e tamanho do carro. Fique atento para cores escuras, o valor pode ser maior por causa da dificuldade de polir e deixar o brilho mais equilibrado.

Indicamos que faça o polimento da pintura no máximo 3 vezes durante toda a vida útil do seu automóvel, pois pode agredir o verniz caso seja feita de maneira errada.

Quer vender seu carro de leilão? É fácil, é Grátis!!

Anuncie agora em nosso portal de veículos www.meucarrodeleilao.com.br

Cristalização

O processo de cristalização é quando se aplica uma resina protetora sobre a pintura.
É bom saber que, assim como a cera, os produtos aplicados sobre a lataria do carro não reagem quimicamente com o verniz da lataria, ou seja, a aplicação da resina não transforma a estrutura molecular nem do verniz nem da tinta.

Tudo começa com um polimento para tirar os riscos. Feito isso é aplicado um desengordurante e por fim a resina. Geralmente o valor fica em torno de R$350.  Não faça o serviço só porque é mais barato as vezes o barato pode  sair caro. Vá a alguém que saiba fazer corretamente o serviço. Pesquise veja alguns trabalhos executados para então decidir qual escolher.

Então é isso pessoal, fica a dica sobre qual é cada processo para deixar a lataria do seu carro mais bonito. E de acordo com suas necessidades.

Boa sorte e bons negócios.